You are currently viewing 9ª Conferência Municipal de Assistência Social de Jericó

Foi realizada sexta-feira – 27 de Agosto, a 9ª Conferência Municipal de Assistência Social de Jericó. A programação, que ocorreu no salão da Igreja Batista, teve como objetivo fomentar a participação da população em geral, entidades e organizações de assistência social, organizações dos trabalhadores do  SUAS, usuários e organizações de usuários do SUAS. Por meio de organizações representativas na construção e avaliação da Política de Assistência Social, assim como, o fortalecimento da relação democrática entre município, Sociedade Civil, usuários e o Conselho Municipal de Assistência Social.

Todo o evento foi transmitido pelo canal da Prefeitura de Jericó no Youtube.

O evento começou com a execução dos hinos nacional e de Jericó, através da performance magistral da Orquestra do Instituto Alumiar.

O Cerimonial foi conduzido por Concilia Lopes – Assistente Social da Secretaria.

Participaram da mesa solene, o Prefeito Municipal- Kadson Monteiro, a Secretária Municipal de Assistência Social – Elayne Leal Lopes, Neto Alves, representando o vice-prefeito, a Secretária da Educação –  Katarina Soares, a Secretária de Saúde –  Isabel Figueiredo, a Chefe de Gabinete – Katsonara Soares, o Coordenador de comunicação- Alberto Lopes, o vereador Joilton Monteiro, representando o poder legislativo e a presidenta do Conselho Municipal de Assistência Social – Jedyelen Sousa, Thalyssa Tanaka, representando o Creas Regional – Poló Riacho dos Cavalos, além do representante dos usuários, o Srº Manoel Ferreira.

Após as fala, o público assistiu a palestra magna, ministrada por Francisca Fernandes Vieira – Professora Ms em Serviço Social, Assistente social; Diretora do Sistema Único de Assistência Social da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano- SEDH; Vice presidente do Conselho Estadual de Assistência Social – CEAS.

DELIBERAÇÃO DAS PROPOSTAS

Após a palestra magna, deu início à deliberação das propostas que foram selecionadas nas pré-conferências realizadas nos equipamentos da Assistência Social e por entidades da sociedade civil, durante os dias 23,24 e 25 de Agosto, seguindo os cinco eixos determinados para 2021:

“A proteção social não-contributiva e o princípio da equidade como paradigma para a gestão dos direitos socioassistenciais no enfrentamento das desigualdades”;

“Financiamento e orçamento como instrumento para uma gestão de compromissos e corresponsabilidades dos entes federativos para a garantia dos direitos socioassistenciais”;

“Controle social – o lugar da sociedade civil no SUAS e a importância da participação dos usuários”;

“Gestão e acesso às seguranças socioassistenciais e a articulação entre serviços, benefícios e transferência de renda como garantias de direitos socioassistenciais e proteção social”;

“Atuação do SUAS em Situações de Calamidade Pública e Emergências”.

Segundo a presidente do Conselho, Jedyelen Sousa, as propostas apresentadas e discutidas durante a Conferência, assim como as fichas dos delegados representantes do governo e sociedade civil, serão encaminhadas pela Comissão Organizadora até o dia 20 de setembro para o Governo do Estado. As conferências estaduais acontecerão no período de 1º de setembro a 31 de outubro de 2021.